Bate-volta Roma Florença de trem: roteiro de um dia

InsideEurostar

Florença é uma das cidades mais visitadas da Itália, e suas principais atrações ficam concentradas no centro, o que facilita uma visita rápida. A bordo do trem bala italiano Eurostar, a viagem de Roma à Florença dura apenas uma hora e meia, e você chega no centro da capital da Renascença, podendo começar seu passeio logo ao desembarcar. Damos aqui todas as dicas do bate-volta de trem, e, mais adiante, uma sugestão de roteiro do que ver em Florença em um dia. Com pressa? Pesquise passagens clicando aqui ou utilize o buscador ao lado.

Como fazer o bate-volta Roma Florença de trem

O trem Eurostar parte da estação Termini, que é a principal de Roma, e chega na estação Firenze Santa Maria Novella, que é a estação mais central de Florença. Por estar tão bem localizada, ao chegar lá você pode iniciar o passeio a pé mesmo, sem ter que pegar nenhum outro transporte público. Se não tiver nenhum mapa da cidade, é possível encontrar alguns à venda na própria estação de trem.

As passagens do Eurostar variam bastante de preço, e dependendo da época do ano, e da antecedência com que a compra é feita, você pode achar tarifas baixas. A Rail Europe, a representante oficial dos trens italianos nos mercados internacionais, como o Brasil e Portugal, tem um site totalmente em português. Os preços são compatíveis com os cobrados no site oficial da operadora, que atualmente mudou o sistema de emissão de passagens, abolindo os bilhetes físicos e eletrônicos, e os substituindo pelo método “ticketless” que é um código que deve ser apresentado no dia da viagem. Nada mais simples! Você pode pesquisar os preços das passagens para o seu bate-volta Roma Florença de trem clicando aqui.

O guia Planeta Europa vende passagens de trem na Europa com descontos, e sem taxa de emissão. Antes de efetuar a sua compra no site da Rail Europe, pode valer a pena obter um orçamento e comparar. Visite a página clicando aqui. 

Como os trens que partem mais cedo pela manhã e voltam no final do dia são sempre mais baratos, ao fazer o bate-volta você acaba economizando nas passagens. O primeiro trem parte de Roma às 06:10 e chega à Florença às 07:47 (existem em torno de 8 a 10 trens por hora). Já o último trem deixa a cidade às 22:04, chegando à Roma às 23:30. Se você está pensando em ficar em Florença mais de um dia e ainda não reservou sua estadia, clique aqui e confira as ofertas de hotéis na cidade.

Lembre-se que o seu bate-volta Roma Florença de trem sempre sairá mais barato se você comprar as passagens com antecedência. É possível também comprar na hora, mas, como o trecho é muito procurado, é provável que você não encontre passagens, além do que, terá que ficar na fila e pagar bem mais do que o preço online. Por isso, não arrisque, se puder, compre antes e chegue na estação já com a sua referência ticketless.

Se você pretende ficar mais que apenas um dia em Florença e ainda não reservou sua acomodação, o Hotel Relais Cavalcanti pode ser uma boa opção (clique aqui para conferir a página do hotel).

Em Oltrarno, do outro lado do rio Arno, mas ainda no centro e próximo de pontos turísticos importantes, você encontra opções mais baratas, como o Promenade, que tem vistas do rio e quartos simples e confortáveis. Clique aqui para obter mais informações sobre o hotel.

Confira outras alternativas

OPÇÃO DURAÇÃO PREÇO
Excursão guiada trem Varia Varia
Carro 3 horas A partir de R$100,00
Ônibus 3 horas A partir de R$30,00
Avião 1 hora (vôo apenas) A partir de R$150,00

O que ver em Florença em um dia

Para obter a lista completa de pontos turísticos de Florença com fotos, clique aqui.

Você pode também pesquisar o preço de passeios e entradas para as principais atrações de Florença clicando aqui. 

- Ao sair da estação, seguindo pela avenida Via Panzani, em dez minutos você chega na área da cidade onde fica o ponto turístico mais importante: o Duomo de Florença. Com vários séculos de existência (a construção começou em 1296), a Catedral da cidade tem uma belíssima fachada, composta de mármores de várias cores. Lá dentro, há pinturas e afrescos importantes de artistas italianos famosos, como Donatello. É possível subir ao domo através da escada. Apesar de cansativo, vale muito a pena, a vista é inigualável!

- Depois de visitar o Duomo, siga para a Piazza della Signoria, a praça mais famosa (e mais bela) da cidade, que tem várias estátuas e edifícios importantes, como o Palazzo Vecchio, e a Loggia dei Lanzi, uma galeria que tem diversas esculturas de mármore, algumas delas de renome mundial, como o “Rápto das Sabinas”, de Giambologna e “Perseu com a cabeça da Medusa”, de Cellini. Há um museu dentro do Palazzo Vecchio, que é imperdível, mas, com a Galleria Uffizi logo ao lado, dependendo de quanto tempo você passar na cidade durante o seu bate-volta Roma Florença, talvez seja melhor abrir mão e seguir direto para o outro museu, que é bem mais famoso.

- A Uffizi é uma das galerias de arte mais importantes da Europa, e o seu acervo atrai visitantes do mundo inteiro, que muitas vezes chegam a passar horas na fila para ter o privilégio de ver as obras guardadas lá. Entre elas, estão “O Nascimento de Vênus” de Botticelli, e “A Sagrada Família”‘ de Michelângelo. Você pode comprar ingressos antecipados, com entrada preferencial, clicando aqui.

- Depois de visitar a galeria, o próximo ponto turístico no seu roteiro de um dia em Florença deve ser a Ponte Vecchio, a primeira ponte medieval a atravessar o rio Arno, e a única deste período ainda em existência na cidade. Assim como na época da sua construção, a ponte tem apartamentos e estabelecimentos comerciais, em sua maioria joalharias e lojas de souvenires. Durante a Segunda Guerra Mundial, todas as pontes de Florença foram destruídas pelos alemães, com exceção da Ponte Vecchio, que foi preservada por ordem de Hitler.

- Se tiver tempo suficiente, não deixe de conhecer o Jardim Boboli, um parque imenso, bem no meio de Florença, pertinho da Ponte Vecchio. Os jardins e suas fontes são belíssimos, assim como o panorama de Florença que se tem de lá. Os jardins fazem parte do Palazzo Pitti, que um dia abrigou a poderosa família Medici. No interior do palácio há um museu, que tem artigos pessoais e jóias da família, além dos aposentos privados, que eram ocupados pela família.

- Dependendo de como você tiver programado o seu tempo, pode ser que dê para dar um pulo no Piazzale Michelangelo,  que é uma praça localizada nas colinas da área conhecida como Oltrarno (que significa do outro lado do Arno, o rio que corta Florença). De lá, se tem a melhor vista da cidade, e você poderá ver um panorama magnífico de todos os grandiosos prédios e estruturas de Florença, incluindo a Ponte Vecchio e o Duomo.

Uma pergunta que muitos viajantes fazem é “Vale a pena passar um dia em Florença?”. A resposta é sim. Além de ser uma cidade única, de arquitetura incomparável, Florença e a região da Toscana são belíssimas, uma parte da Itália que todo mundo deve conhecer. Você só corre o risco de ficar com gostinho de quero mais! :-)

Pesquise agora mesmo passagens para o seu bate volta Roma Florença de trem no site em português da Rail Europe, clicando aqui.

8 comments to Bate-volta Roma Florença de trem: roteiro de um dia

  • Carol  says:

    Estou adorando esse site, já estou programando minha viagem pela europa de trem =D
    Tenho uma dúvida, quem sabe vocês podem me ajudar… Meu voo chega por Roma e quero ir para Florença no mesmo dia, logo em seguida. Vi as passagens no site da trenitalia e que é muito mais barato comprar antes. Minha dúvida é se posso comprar uma passagem com data e hora em aberto pela internet, ou então trocar lá na hora sem grande custo adicional. Vcs sabem me dizer?
    Obrigada :)

    • VOMDT  says:

      Olá, Carol.

      Geralmente você pagará uma taxa pela troca ou a diferença no valor da passagem. Para este trecho, não é possível comprar um bilhete em aberto, pois é bastante procurado e há dias e horários em que os trens partem completamente lotados.

      Abraços!

  • Ricardo Dellai  says:

    Saudações, vou agora em maio e quero passar um dia em firenze.

    Não me ligo em artes então lá só me interessa a ponte vecchio e o rio arno.

    Depois queria dar um pulo em siena será se fica muito corrido?

    Já comprei a passagem de trem vou chegar de bologna a firenze as 08:30 e marquei a volta para as 22:00.

    Obrigado.

  • Luciana  says:

    Muito obrigada! Não só pelas dicas, mas também pelos links e meios de pesquisar de forma rápida e direta.
    AMEIIIIII!

    • VOMDT  says:

      Ficamos felizes que tenha gostado, Luciana!

      Esperamos que faça uma ótima viagem. Qualquer dúvida, pode usar o formulário de contato no menu superior!

      Abraços.

      • Tamiles Costa  says:

        Bom dia!

        Estou indo para Florença em agosto. Na verdade, farei um bate e volta partindo de Roma como o do seu post, inclusive, adorei as dicas, vou utilizá-las! No entanto, tenho duas dúvida. Primeira: vou para Florença no trem das 6h20 da manhã e retorno às 20h38, chegando em Roma às 22h10, como desembarcarei tarde em Roma neste dia, gostaria de saber se os metrôs ainda estão em funcionamento neste horário e se são próximos a Termini. Ficarei hospedada em Roma no Hotel Tre Stelle (Via S. Martino Della Battaglia), e algumas pessoas me disseram que o centro de Roma é meio perigoso à noite. Segunda: desembarcarei em Florença na Estação Santa Maria Novella, ela é tão central quanto a Santa Lucia? No mais, parabéns pelo site, muito legal mesmo!

  • thais  says:

    Gostaria de valor aproximado para 3 pessoas dia 26/12/16 iremos as 8 da manha ( de Roma) e retornaremos as 20hs de Florença,favor orçar no Eurostar

    • VOMDT  says:

      Thais, as tarifas para Dezembro só estarão disponíveis a partir de Agosto (4 meses de antecedência). Por favor, volte a entrar em contato. Abraços.

Deixe um Comentário

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>